Início

Cientistas descobrem um meteorito mais antigo que a Terra no deserto do Saara

Por History Channel Brasil em 12 de Março de 2021 às 15:59
Cientistas descobrem um meteorito mais antigo que a Terra no deserto do Saara-0

Segundo pesquisa de uma equipe internacional de cientistas, um meteorito encontrado em 2020 na região do deserto de Saara seria cerca de 25 milhões de anos mais antigo que a formação do planeta Terra. Os cientistas acreditam que ele tenha origem nas erupções vulcânicas de um protoplaneta (planeta em formação) há mais de 4,5 bilhões de anos. O estudo foi publicado pela Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos.

Batizado de Erg Chech 002 (EC 002), o meteorito foi encontrado nas areias de Erg Chech, ao sudoeste da Argélia, em maio de 2020. Depois de analisar sua composição química, foi possível saber que o objeto corresponde a um tipo de meteorito chamado acondrito, originário da fusão interna de um protoplaneta, quando a crosta se separou do núcleo.

Cientistas descobrem um meteorito mais antigo que a Terra no deserto do Saara - 1

Por meio de estudos de datação com isótopos de alumínio e magnésio, os cientistas conseguiram determinar que o meteorito se cristalizou há mais de 4,5 bilhões de anos, durante o período da formação do Sistema Solar. Isso aconteceu mais de 20 milhões de anos antes do planeta Terra se formar. 

A análise do meteorito EC 002 oferece uma rara oportunidade de estudar os primeiros estágios da formação de um planeta e obter informações sobre as condições do início do Sistema Solar. "Este meteorito é a rocha magmática mais antiga analisada até hoje e lança luz sobre a formação das crostas primordiais que cobriam os protoplanetas mais antigos", escreveram os pesquisadores. O estudo foi liderado pelo geoquímico Jean-Alix Barrat, da Universidade da Bretanha Ocidental, na França.


Fontes: CNN e Science Alert

Imagens: Shutterstock.com e Meteorite Encyclopedia/Domínio Público