Início

Espécie de pica-pau que inspirou personagem de desenho animado será declarada extinta

Outros pássaros, peixes e uma planta também passam a ser considerados extintos
Por History Channel Brasil em 29 de Setembro de 2021 às 17:24
Espécie de pica-pau que inspirou personagem de desenho animado será declarada extinta-0

A espécie de pica-pau que inspirou o famoso personagem dos desenhos animados será declarada extinta. O anúncio foi feito pelo Serviço de Peixes e Vida Selvagem dos Estados Unidos. Também devem ser consideradas extintas outras 22 espécies, incluindo pássaros, peixes e uma planta.

Extinção do pica-pau

O pica-pau-de-bico-de-marfim (Campephilus principalis) já foi a maior espécie de pica-pau dos Estados Unidos, mas a intensa atividade madeireira e a caça devastaram a população desses pássaros a partir do final do século XIX. Na década de 1920, já era difícil encontrar exemplares da ave. O último avistamento oficial na natureza aconteceu em 1944 e desde 1967 a espécie estava na lista de animais ameaçados de extinção.

Segundo o Serviço de Peixes e Vida Selvagem, também serão declarados extintos o pássaro toutinegra de Bachman, duas espécies de peixes de água doce, oito espécies de mexilhões-de-água-doce do sudeste e 11 do Havaí e das ilhas do Pacífico.  "Cada uma dessas 23 espécies representa uma perda permanente para o patrimônio natural de nossa nação e para a biodiversidade global", disse Bridget Fahey, supervisora da entidade. A atividade humana e as mudanças climáticas estão entre os fatores apontados para a extinção das espécies.

O Pica-Pau dos desenhos animados foi criado por Walter Lantz em 1940. Em um episódio exibido em 1964 o personagem é identificado como sendo da espécie Campephilus principalis.

Fontes
CNN e BBC
Imagens
iStock e Universal, via Wikimedia Commons