Início

Fungos podem fazer rachaduras de prédios consertarem-se “sozinhas”

Por History Channel Brasil em 21 de Outubro de 2021 às 12:24
Fungos podem fazer rachaduras de prédios consertarem-se “sozinhas”-0

O aparecimento de rachaduras em construções é comum com o passar do tempo. Geralmente elas são inofensivas, mas se atingem os alicerces da edificação, todo o prédio pode ficar comprometido. Cientistas acreditam que uma solução para o problema seja o uso de fungos.

Os pesquisadores das universidades Binghamton e Rutgers sugerem que os fungos podem ajudar as fissuras a consertarem-se sozinhas, de dentro para fora. A ideia é que os esporos do Trichoderma reesei (e os nutrientes que eles precisam para sobreviver) sejam misturados ao concreto durante o processo de mistura. Quando o concreto ficar pronto, os fungos ficariam relativamente dormentes. Os esporos germinariam quando as rachaduras aparecessem, permitindo a entrada de oxigênio e água. Quando expostos, esses esporos produziriam carbonato de cálcio, que preencheria as fissuras, resolvendo o problema.

"Essa ideia foi inspirada pela milagrosa habilidade que o corpo humano tem para se curar sozinho de cortes, machucados e ossos quebrados", disse Congrui Grace Jin professora-assistente de engenharia mecânica na Universidade de Binghamton. Mas é improvável que essa nova técnica seja usada a curto prazo. Os cientistas ainda precisam trabalhar melhor na sobrevivência dos fungos em um ambiente inóspito como o concreto. A limitação de nutrientes e a variação de temperatura pode ser um problema para seu desenvolvimento.

Também serão necessários novos estudos para saber como os fungos são afetados por outras substâncias utilizadas na mistura do concreto, como impermeabilizantes. Além disso, será necessário avaliar se a técnica não irá encarecer demais as construções. 

Fonte: Atlas Obscura

Imagem: Olga Kovalenko/Shutterstock.com