Início

Pesquisadores do MIT conseguem fazer plantas de espinafre enviarem e-mails

Um grupo de engenheiros do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) conseguiu fazer com que plantas de espinafre enviassem e-mails. Durante o experimento, elas foram capazes de avisar aos pesquisadores quando notavam a presença de nitroaromáticos na água subterrânea. O método pode ser usado para monitorar a contaminação do solo.

Quando as raízes detectam esses nitroaromáticos, nanotubos de carbono presentes nas folhas de espinafre emitem um sinal que é lido por uma câmera infravermelha. Em seguida, é enviado um e-mail de alerta aos pesquisadores avisando sobre a presença desses elementos. Como esses compostos são geralmente utilizados para a fabricação de explosivos, a nova técnica poderia ser utilizada em antigas zonas de guerra para localizar bombas enterradas ou campos minados sem a necessidade de escavação.

Pesquisadores do MIT conseguem fazer plantas de espinafre enviarem e-mails - 1

"As plantas são químicos analíticos muito bons", disse o professor Michael Strano, do MIT. “Elas têm uma extensa rede de raízes no solo, estão constantemente colhendo amostras de água subterrânea e transportando-as para as folhas”, completou.

Segundo os pesquisadores, a pesquisa faz parte de um campo mais amplo. O objetivo é adicionar sistemas elétricos às plantas para que suas análises químicas sejam interpretadas de forma mais precisa. Além da detecção de explosivos, a técnica pode ser útil para monitorar outros problemas ambientais relacionados ao solo.


Fonte: Infobae

Imagens: Shutterstock.com