Início

A genial invenção maia que abasteceu de água uma cidade durante mil anos

Técnica permitiu o florescimento do centro econômico e cerimonial de Tikal
Por History Channel Brasil em 30 de Setembro de 2021 às 19:50
A genial invenção maia que abasteceu de água uma cidade durante mil anos-0

A antiga cidade de Tikal (situada no atual território da Guatemala) funcionava como centro econômico e cerimonial para os maias. Erguida no século IV a.C. sem a ajuda de animais de carga, ferramentas metálicas ou rodas, ela pode ter abrigado cerca de 5 milhões de habitantes no auge do período clássico  (200–900 a.C.). Mas o mais incrível foi a solução que a antiga civilização inventou para contornar a falta de água no local.

Sistema de reservatórios

Embora não houvesse rios ou lagos próximos ao local, os maias criaram uma gigantesca rede de reservatórios que coletava e armazenava água da chuva para abastecer Tikal durante a estação seca, que durava entre 4 e 6 meses. Graças a essa técnica, a cidade permaneceu ativa por mais de mil anos.

Arte geométrica em pedra na cidade de Tikal



Recentemente os cientistas descobriram outra enorme façanha da cultura técnica maia. Os núcleos de sedimentos dos reservatórios de Tikal indicam que o local contava com um sistema de filtragem de água. Trata-se do mais antigo sistema do tipo encontrado no hemisfério ocidental.

O avançado sistema de purificação de água funcionava à base de zeólitos, material usado até hoje em filtros de água. Esse mineral vulcânico tem propriedades físicas e químicas capazes de filtrar desde metais pesados ​​até micróbios. Embora os arqueólogos só tenham encontrado o mineral em um dos reservatórios de Tikal, fragmentos de vasos de argila descobertos ali sugerem que a água purificada do local era usada especificamente para beber.

Fontes
BBC
Imagens
iStock