Hoje na história

10.fev.1996

Kasparov perde uma partida de xadrez para um computador

Em um dia como este, no ano de 1996, o campeão mundial de xadrez Gary Kasparov perdeu o primeiro jogo de uma série de seis contra o Deep Blue, um computador da IBM capaz de avaliar 200 milhões de movimentos por segundo. O confronto durou três horas. No final, porém, o homem venceu a máquina: Kasparov superou Deep Blue no jogo com três vitórias e dois empates e levou para casa o prêmio de US$ 400 mil. Estima-se que 6 milhões de pessoas em todo o mundo acompanharam o jogo pela internet.
 
Nascido em 1963, em Baku, no Azerbaijão, Kasparov sagrou-se campeão júnior de xadrez da União Soviética aos 13 anos. Aos 22 anos, era o mais jovem campeão do mundo ao vencer o lendário jogador soviético Anatoly Karpov. Considerado por muitos como o maior jogador de xadrez da história, Kasparov ficou conhecido por seu estilo fanfarrão e sua habilidade para mudar as táticas durante a partida.
 
Em 1997, houve uma revanche entre Kasparov e um Deep Blue “reforçado”. Kasparov venceu o primeiro jogo, o computador ganhou o segundo e aconteceram empates nos três jogos seguintes. Em 11 de maio de 1997, Deep Blue derrotou o enxadrista com uma surpreendente vitória – e levou o prêmio de US$ 700 mil. Em 2003, Kasparov empatou contra um outro programa de computador, "Deep Junior”. A partida terminou empatada. Kasparov deixou o xadrez profissional em 2005.
 
 

Imagem: via Wikimedia Commons