Hoje na história

09.set.1976

Morre Mao Tse-Tung, estadista chinês

No dia 9 de setembro de 1976 morria, em Pequim, Mao Tse-Tung político e revolucionário chinês, responsável pela fundação da República Popular da China em 1949. Mao nasceu no dia 26 de dezembro de 1893, em Shaoshan, província chinesa de Hunan. Era filho de camponeses pobres que prosperaram como agricultores até se tornarem distribuidores de grãos. Em 1919, explodiu em Pequim uma revolta estudantil contra o Japão, na qual Mao participou ativamente. Em 23 de julho de 1921, Mao, aos 27 anos, assistiu à primeira sessão do Congresso Nacional do Partido Comunista da China, em Shanghai e, dois anos mais tarde, foi eleito para um dos cinco postos de comissário do Comitê Central do Partido, durante o período das sessões do Congresso. Ao retornar a Hunan e seus arredores, descobriu que o sofrimento dos camponeses atuaria como a força de mudança social no país. Passada a Segunda Guerra Mundial, reiniciou-se a guerra civil, que terminou com a vitória dos comunistas. Em 1 de outubro de 1949 foi proclamada, oficialmente, a República Popular da China, com Mao Tse-Tung como presidente. Ele se manteve no cargo por 10 anos, período em que foram construídas as bases da atual China Comunista. Mao Tse-Tung morreu em 1976 e, com o passar dos anos, apesar do seu regime ter sido acusado de totalitário e de genocida, ainda continua sendo uma referência para os ideólogos e políticos socialistas e comunistas em todo o mundo.

 


Imagem:  [Public domain], via Wikimedia Commons