Hoje na história

23.nov.1933

Nasce o carnavalesco Joãosinho Trinta

Famoso artista plástico e carnavalesco brasileiro, João Clemente Jorge Trinta, o Joãosinho Trinta, nasceu no dia 23 de novembro de 1933, em São Luís, no Maranhão. Aos 18 anos mudou-se para o Rio de Janeiro e começou sua carreira como assistente no Salgueiro, onde foi campeão em 1965, 1969 e 1971. Em 1973, foi promovido a carnavalesco principal da escola, onde formou parceria com a artista plástica Maria Augusta no enredo "Eneida: Amor e Fantasia". Nos dois anos seguintes, foi campeão do carnaval com "O Rei de França na Ilha da Assombração" e "O Segredo das minas do Rei Salomão", respectivamente. Em seguida, se desentendeu com a diretoria da escola e passou para a Beija-Flor. Em sua nova agremiação, ficou marcado pela ousadia e pelo luxo, conquistando os títulos de 1976, 1977, 1978, 1980 e 1983. Em 1989, foi vice-campeão com "Ratos e Urubus, Larguem a Minha Fantasia", desfile que causou polêmica com a tentativa de levar uma imagem do Cristo Redentor vestido de mendigo. Pelo Grupo de Acesso, foi campeão com Império da Tijuca e Acadêmicos da Rocinha, além de também ter passado pelo carnaval de São Paulo. Após problemas de saúde, trabalhou como carnavalesco da Unidos do Viradouro, onde ganhou o título de 1997 com "Trevas! Luz! A explosão do Universo". Passou ainda pela Grande Rio, onde conquistou um histórico terceiro lugar para a escola, em 2003, com “O Brasil que vale”. Em 2006 sofreu dois AVCs (acidente vascular cerebral) e se mudou para Brasília. Em 2010, concorreu, sem sucesso, a uma vaga como deputado distrital.

 


Imagem: , via Wikimedia Commons