Início

Voyager 1 voa perto de Saturno

Voyager 1 voa perto de Saturno-0

Mais de três anos após o seu lançamento, a sonda Voyager 1, lançada pelos EUA, chegou às proximidades de Saturno, a uma distância de 124 mil quilômetros do segundo maior planeta do Sistema Solar, em um dia como este, em 1980. Antes dela, esteve por ali a Pioneer 11, um equipamento menor e menos sofisticado, que passou pelo gigante gasoso em setembro de 1979. A Voyager 1 foi lançada 16 dias após a Voyager 2, mas sua trajetória permitiu um caminho mais rápido, tanto que sua "irmã" chegou perto de Saturno apenas em setembro de 1981. Ambas foram equipadas com câmeras de televisão de alta resolução, que enviaram mais de 30 mil imagens do planeta, dos seus anéis e satélites.

As fotos percorreram 1,5 milhão de quilômetros até a Terra. As imagens mostraram que Saturno não tinha apenas seis anéis, mas centenas deles. Os anéis pareciam dançar e se curvar de maneira que desafiava a física. As Voyagers também identificaram três novas luas de Saturno e uma atmosfera substancial em torno de Titã, a maior lua do planeta. Depois de passar por Saturno, a Voyager 1 seguiu seu caminho para o espaço e, em setembro de 2013, ela se tornou o primeiro objeto terrestre a deixar o Sistema Solar. A Voyager 2 segue o mesmo destino, mas viaja num ritmo mais lento. Ambas contêm um disco de cobre banhado a ouro, com sons e imagens da Terra. Ali também estão gravada saudações em 55 línguas e músicas. As Voyagers devem operar até, aproximadamente, 2020.

 


Imagem:  [Public domain], via Wikimedia Commons