nazistas

Alemanha indeniza centenas de condenados por lei nazista contra homossexuais

Mesmo após o fim da Segunda Guerra Mundial a medida continuou em vigor
Por: HISTORY Brasil

Centenas de pessoas enquadradas em uma lei do período nazista que criminalizava a homossexualidade foram indenizadas pelo governo da Alemanha. Até agora, as autoridades do país já pagaram quase 860 mil euros para cidadãos que haviam sido punidos devido a sua orientação sexual. As condenações continuaram a acontecer até muito tempo depois do fim da II Guerra Mundial. 

Triângulos Rosas

A lei em questão era conhecida como Parágrafo 175. Ela havia sido criada ainda no século XIX, mas se intensificou durante a época em que os nazistas governavam a Alemanha. Em 1935, o Terceiro Reich estendeu o conceito de "atividades criminalmente indecentes entre homens" e passou a prender suspeitos mesmo sem evidências. 



Os homossexuais estavam entre as primeiras pessoas enviadas para os campos de concentração pelos nazistas. Nesses locais, além de serem submetidos a trabalhos forçados, esses prisioneiros eram ridicularizados. Como forma de humilhação, eles eram obrigados a usar triângulos rosas costurados em suas roupas.

Mesmo após a derrota dos nazistas, a lei continuou em vigor na Alemanha Ocidental. Cerca de 50 mil homens foram condenados no país entre 1949 e 1969, quando a homossexualidade foi descriminalizada. A indenização também se aplica aos condenados na Alemanha Oriental, que descriminalizou a homossexualidade em 1968.



VER MAIS


Fonte: ABC 

Imagem: National Archives and Records Administration