egito antigo

Cervejaria mais antiga do mundo, com cerca de 5 mil anos, é encontrada no Egito

Uma nova descoberta comprova que o relacionamento entre a humanidade e a cerveja vem de longe. Arqueólogos encontraram no Egito as ruínas de um local onde a bebida era fabricada há cerca de cinco mil anos. Os pesquisadores acreditam que pode se tratar da cervejaria mais antiga do mundo.

As ruínas foram descobertas por arqueólogos do Egito e dos Estados Unidos nas proximidades de uma necrópole na antiga cidade de Abidos, a 250 km do Cairo. Acredita-se que a cervejaria tenha sido construída durante o governo de do faraó Narmer, que governou por volta do ano 3100 a.C e fundou a Primeira Dinastia egípcia.



A cervejaria era composta por oito departamentos que mediam 20m de comprimento por 2,5m de largura. Em cada um deles, foram encontrados 40 potes de cerâmica usados para misturar grãos e água durante a produção da bebida. O local tinha capacidade de produzir mais de 22 mil litros de cerveja.

Segundo Matthew Adams, da Universidade de Nova York, a cerveja fabricada lá fazia parte dos ritos funerários envolvendo alguns dos primeiros faraós. Escavações anteriores na área já sugeriam que a bebida era utilizada durante rituais de sacrifício.




Fonte: CNN

Imagens: Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito/Divulgação