RELIGIÃO

A fé que move notícias: os fatos religiosos que marcaram o ano

Por: HISTORY Brasil

Uma Bíblia que vale milhões, um estudo que demonstrou que animais também podem acreditar em Deus e um texto egípcio com novas revelações sobre a morte de Jesus: a fé movimentou intensamente o notíciário em 2016.


Confira os 12 fatos que mais chamaram a atenção do ano que está se encerrando.



A Bíblia secreta em que Jesus teria previsto a vinda do profeta Maomé para a Terra está despertando sério interesse do Vaticano.

Aqui vai uma pergunta que pode soar um tanto quanto estranha para você: macacos acreditam em Deus? 



Um antigo texto egípcio, recém-decifrado, traz dados até hoje desconhecidos sobre a crucificação de Jesus, o papel surpreendente de Pôncio Pilatos e os atos de Judas. 

Restos do crânio de Sidarta Gautama, mais conhecido como Buda, teriam sido encontrados em uma cripta sob o Templo de Grand Bao’en, em Nanjing, na China.

 

Diz-se que, depois da morte, quem não foi bom nesta vida vai para o inferno.

A cultura ocidental geralmente descreve Jesus Cristo como um homem magro, branco, de olhos claros e de cabelos longos. Mas uma reconstrução feita por cientistas forenses prova que ele pode ter sido bem diferente

Uma equipe de arqueólogos britânicos revelou em quanto tempo o fogo destruiu a cidade de Megido, que, segundo relatos biblícos, será o palco do Armagedom, a batalha entre as forças da luz contra as das trevas.

Uma descoberta promete lançar luz sobre um dos povos mais misteriosos da Bíblia.Arqueólogos da expedição Leon Levy encontraram um cemitério filisteu perto da cidade de Ascalona, em Israel. 

Muito do que popularmente se conhece sobre a vida e obra de Jesus é impreciso, resultado de alterações sucessivas na transmissão oral e de mitos que surgiram para preencher lacunas entre as diversas interpretações do texto bíblico. 

Teria sido o Buda uma figura realmente rechonchuda, careca e sorridente como as imagens que vemos por aí?

Apesar de as descrições bíblicas de Jesus serem basicamente as mesmas no mundo todo, as respostas para a pergunta “Jesus era feliz?” costumam variar bastante.

Ao contrário do que o seu nome poderia supor, a Igreja de Satã possui “mandamentos”.




Imagem destaque: Renata Sedmakova / Shutterstock.com