AERONAVE

Guerra no ar: Estados Unidos e Rússia competem por aviões de caça de quinta geração

Por: HISTORY Brasil

Os Estados Unidos e a Rússia, duas potências armamentistas, lançaram uma nova linha de aviões de combate de quinta geração. As aeronaves mesclam importantes capacidades furtivas com avanços tecnológicos. Trata-se do Lockheed Martin F-35 e do Sukhoi Su-57, duas aeronaves de diferentes qualidades que tentarão ganhar a superioridade aérea.

Até o momento, a quinta geração dos EUA é a única que já realizou testes bem-sucedidos no campo de batalha. Foi o que indicaram os primeiros relatórios do F-35 divulgados por Israel, principal parceiro dos Estados Unidos, em maio de 2018. O general israelense Amikam Norkin afirmou que o F-35 já atravessou todo o Oriente Médio e atacou duas diferentes frentes.



O modelo americano é menor que o Su-57 e incorpora um total de 6 ancoragens para mísseis ar-ar, ar-superfície e antinavio, com a vantagem de possuir um canhão de 25 milímetros, além do equipamento de última geração necessário para realizar ações de guerra eletrônica.



As primeiras unidades dos Sukhoi Su-57 foram entregues ao exército russo em 25 de dezembro do ano passado, e estima-se que estarão totalmente preparados em meados de 2028. As aeronaves estarão equipadas com mísseis ar-ar, ar-solo, mísseis antinavio e antirradiação, que podem ser usados contra equipamentos eletrônicos, como radares.


Fonte: El Español

Imagens: Shutterstock.com