nazistas

O nazista desastrado que perdeu um submarino por não saber usar o banheiro

Utilização errada da descarga resultou em baixas para o exército alemão
Por: HISTORY Brasil

Durante a Segunda Guerra Mundial, os combatentes não viveram apenas momentos cruéis, como também curiosos. Um caso inusitado foi o do submarino alemão que teve que voltar à superfície porque seu capitão nazista não soube como puxar a descarga do banheiro corretamente. O erro resultou em vitória para os Aliados.

Descarga mal dada prejudicou nazistas

Ainda que pareça engraçado, o desenvolvimento de banheiros em submarinos naquela época foi um verdadeiro desafio para a engenharia naval. A tecnologia alemã criou um sistema sanitário que tinha um problema quando o veículo se encontrava debaixo do oceano, já que, quanto maior a profundidade, maior a pressão da água. 



O método utilizado na época requeria uma pessoa na tripulação especialmente dedicada à tarefa de puxar a descarga. O tripulante precisava gerenciar um grande número de alavancas e válvulas que se abriam e fechavam em uma ordem precisa e específica. No caso de cometer um erro, toda a tripulação corria o risco de morrer nas profundezas.

Mas, em 6 de abril de 1945, durante uma missão nazista, Karl-Adolf Schlitt, capitão do submarino U-1206, entrou para a história devido a uma manobra errada no vaso sanitário. Enquanto a embarcação estava no litoral da Escócia, ele decidiu utilizar o banheiro sem a ajuda da pessoa encarregada, e mexeu nas válvulas e alavancas, sem saber que o final seria terrível.



A ação desastrada fez com que a água salgada entrasse no submarino e alcançasse as baterias, o que gerou a liberação de gases tóxicos. O capitão deu a ordem de subir e foi então que a aviação britânica avistou o submarino e disparou. Um tripulante morreu, três se afogaram e 36 conseguiram embarcar em pequenos barcos, mas acabaram nas mãos das forças aliadas.

VER MAIS


Fonte: Clarín 

Imagens:  Augusto Ferrer-Dalmau, via Wikimedia Commons e Domínio Público, via Wikimedia Commons