meio ambiente

Pássaro considerado extinto há 180 anos reaparece em ilha na Ásia

Por: HISTORY Brasil

Um pássaro considerado extinto há 180 anos reapareceu na Ilha de Bornéu, na Ásia. A espécie, conhecida como tagarela-de-sobrancelha-negra (Malacocincla perspicillata), foi descoberta em uma expedição às Índias Orientais na década de 1840, quando um exemplar foi capturado. Depois disso, nenhuma outra dessas aves foi avistada na natureza.

No século XIX, a espécie havia sido catalogada pelo zoólogo Charles Lucien Bonaparte (sobrinho de Napoleão). Até hoje, apenas um exemplar empalhado provava a existência dessa rara ave. Incrivelmente, um tagarela-de-sobrancelha-negra foi avistado recentemente na floresta tropical de Bornéu.



A ave foi capturada por Muhammad Suranto e Muhammad Rizky Fauzan, dois moradores de Calimantã Meridional, uma das quatro províncias indonésias da ilha de Bornéu. Após fotografá-lo, eles soltaram o pássaro. Tentando identificar a espécie, eles enviaram as imagens para grupos de ornitólogos. 

Especialistas se surpreenderam ao constatar que se tratava de um tagarela-de-sobrancelha-negra. “É surreal saber que encontramos uma espécie de ave que os especialistas acreditavam estar extinta”, disse Rizky Fauzan. “Não esperávamos que ela fosse tão especial, pensávamos apenas que era mais um pássaro que simplesmente nunca tínhamos visto antes”, completou.


Fonte: The Guardian



Imagem: Muhammad Suranto/Reprodução