BÍBLIA

Pesquisador afirma ter identificado a cidade bíblica onde Jesus caminhou sobre as águas

Segundo a Bíblia, a localidade de Betsaida foi palco de um dos principais milagres de Jesus. As escrituras dizem que foi lá que Cristo alimentou milhares de pessoas com dois peixes e cinco pães, curou um cego e andou sobre as águas. Mas a localização exata dessa cidade sempre foi motivo de controvérsia.

Até agora, dois sítios arqueológicos em Israel disputavam o posto de "verdadeira Betsaida": e-Tell e el-Araj. Os locais ficam muito próximos um do outro. Ambos estão situados às margens do rio Jordão, que deságua no mar da Galileia.

Após 30 anos de pesquisa, o professor Rami Arav, da Universidade de Nebraska, nos Estados Unidos, defende que o sítio de e-Tell era onde ficava a cidade de Zer, que mais tarde teria dado origem a Betsaida, capital do reino bíblico de Geshur. Escavações no local revelaram fortificações, armazéns de alimentos e o portão da cidade, construído na Idade do Ferro. Segundo ele, esses vestígios pertenceriam à cidade descrita na Bíblia.

Arav argumenta que o nome "Zer" era transcrito como "Tzer" ou "Tzed", que estaria na origem do nome em hebraico Betsaida [beit-tzed], como a cidade passou a ser chamada durante o período do Segundo Templo. Por outro lado, o pesquisador descarta que el-Araj pudesse ser Betsaida. Isso porque lá não foram encontrados indícios materiais de construções monumentais da Idade do Ferro, razão pela qual afirma que aquele local era apenas um acampamento romano.

 


Fonte: Haaretz

Imagem: Wikimedia Commons