neandertal

Pesquisadores encontram restos mortais de neandertais devorados por hienas na Itália

Ossos foram localizados em uma caverna a 100 km de Roma
Por: HISTORY Brasil

Em uma caverna a 100 km de Roma, na Itália, arqueólogos encontraram os restos mortais de nove neandertais. De acordo com os pesquisadores, foram identificados os ossos de sete homens, uma mulher e um garoto no início da adolescência, mortos há milhares de anos. Acredita-se que eles tenham sido devorados por hienas, que usavam o local como covil.

Neandertais serviam de presa para hienas

Os especialistas especulam que os neandertais cujos restos mortais foram encontrados agora viveram em períodos de tempo diferentes. Estima-se que os vestígios mais recentes tenham entre 50 mil e 68 mil anos. Já os ossos dos indivíduos mais antigos podem ter cerca de 100 mil anos.



Os restos foram localizados na caverna Guattari, onde vestígios de neandertais já haviam sido encontrados por acaso em 1939. Até hoje, nenhuma outra descoberta semelhante havia acontecido no local. Entre os ossos encontrados agora, estão crânios e mandíbulas quebradas. Além dos restos mortais de neandertais, foram identificados ossos de rinocerontes, veados, cavalos selvagens e hienas.

Segundo os pesquisadores, as hienas possivelmente arrastaram os neandertais até o local para devorá-los. Os especialistas acreditam que a caverna tenha permanecido lacrada por mais de 60 mil anos, após um desastre natural, como um terremoto. “É um achado espetacular”, disse Mario Rolfo, professor de arqueologia da Universidade Tor Vergata.



VER MAIS:

Herança genética dos neandertais pode ser crucial para enfrentar a COVID-19

Estudo revela que os neandertais sabiam nadar e mergulhar

Cientistas afirmam que os neandertais foram extintos por pura falta de sorte


Fontes: The Guardian e CNN

Imagens: Ministério da Cultura da Itália