ISRAEL

Ponta de flecha encontrada em Israel pode comprovar batalha bíblica na cidade de Golias

Pesquisadores acreditam que o artefato seja evidência de uma invasão que aconteceu há 2800 anos
Por: HISTORY Brasil

Arqueólogos encontraram em Israel um artefato que pode dar pistas a respeito de um episódio narrado da Bíblia. Trata-se de uma ponta de flecha feita de osso, descoberta onde se situava a cidade de Gate (onde teria nascido o gigante Golias). Estima-se que o objeto tenha mais de 2800 anos.

Invasão bíblica

Os pesquisadores acreditam que o artefato seja uma evidência da resistência da cidade à invasão comandada pelo rei Hazael, governante do Reino de Arã-Damasco. O esforço dos habitantes foi em vão, pois os invasores foram bem-sucedidos na conquista. "Nessa época, Hazael, rei da Síria, atacou Gate e a conquistou. Depois decidiu atacar Jerusalém", diz a Bíblia (2 Reis 12:17).



A ponta de flecha feita de madeira intrigou os pesquisadores. Isso porque o metal já era utilizado para produzir armas na época. “A ponta de flecha comum na Idade do Ferro era feita de bronze e ferro. Às vezes, peças ósseas são encontradas, mas não são muito comuns”, disse Aren Maeir, professor de arqueologia da Universidade Bar-Ilan. 

A hipótese dos arqueólogos é que os habitantes de Gate tenham ficado desesperados com a invasão e fabricaram flechas rudimentares de pontas de osso para se defenderem. Um elemento que suporta essa tese é que, em 2006, pesquisadores descobriram uma oficina próxima que parecia ser inteiramente dedicada à fabricação de utensílios de osso. O local poderia ter sido usado de emergência para produzir as pontas de flechas.



VER MAIS:


Fontes: Haaretz e Live Science

Imagens: Tell es-Safi/Gath Archaeological Project/Reprodução