ARQUEOLOGIA

Russo encontra catacumbas do século V e restos humanos durante reforma de casa

Abdulgamid Mirzaev trabalhava nas obras de reforma de sua casa, na aldeia de Urkarakh na república russa do Daguestão, quando teve uma surpresa. Ele encontrou uma catacumba com restos humanos e diversos jarros antigos. Arqueólogos estimam que os achados datem do século V d.C.

Ao escavar o quintal de sua residência, Mirzaev se deparou com duas câmaras subterrâneas a uma profundidade aproximada de 6 metros. No local ele encontrou ossos humanos, além de prateleiras contendo jarros (que provavelmente eram utilizados em algum tipo de ritual). Arqueólogos foram convocados para estudar os achados.

Em entrevista ao jornal Rossíyskaia Gazeta, o historiador Leonid Iliukov comentou que as catacumbas podem datar do século V d.C. “Os jarros ritualísticos estavam perfeitamente preservados. A câmara que contém os esqueletos, sem dúvida, interessa aos arqueólogos”, afirmou o pesquisador.

Recentemente, algo semelhante aconteceu com um morador da vila de Zelenkhoz, também na Rússia. Em seu jardim, ele encontrou um túmulo neolítico de aproximadamente 7 mil anos. Os cientistas acreditam que o local pode abrigar um complexo de sepulturas.


Fontes: RT e rosbalt.ru

Imagens: Administração do Distrito de Urkarakh/Instagram/Reprodução