meio ambiente

Tudo o que foi construído pela humanidade já pesa mais que todos os seres vivos juntos

Resultados de uma extensa pesquisa do Instituto Weizmann de Ciências, em Israel, demonstram que o impacto da humanidade sobre o planeta Terra é tão dramático que a massa de tudo o que foi construído até o momento já supera a de todos os seres vivos. Seria esse o início do Antropoceno, a era na qual a raça humana destruirá o planeta Terra?

Os pesquisadores concluíram que, desde a primeira revolução agrícola, a humanidade reduziu à metade a biomassa vegetal (florestas e espaços naturais). Os cientistas calcularam a massa de todas as coisas construídas por humanos desde 1900 até a atualidade e a compararam com o peso da biomassa do planeta. 

Para quantificar os materiais criados pela humanidade, eles utilizaram uma disciplina científica denominada “ecologia industrial”. Desde garrafas de plástico até tijolos e concreto usados na construção de edifícios e estradas, o peso de todas as coisas que produzimos duplicou a cada duas décadas nos últimos 100 anos.

Os cientistas estimam que essa nova era geológica iniciou na década de 50, quando a população humana aumentou drasticamente seus comportamentos de consumo de alumínio, plástico e concreto. 

Para a pesquisadora ambiental Emily Elhacham, a também chamada “Idade dos humanos” se traduz em “um impacto dramático da humanidade sobre o planeta”. Ela também afirmou: “Nossa pesquisa busca chamar a atenção sobre o enorme impacto do ser humano na Terra, e é uma oportunidade para refletir sobre a interação da humanidade com a biosfera”. 


Fonte: BBC 

Imagens: Shutterstock.com e ITAI RAVEH/INSTITUTO WEIZMANN/Reprodução