ASTROFÍSICA

Último estudo de Stephen Hawking sugeriria existência de universos paralelos

Por: HISTORY Brasil

Duas semanas antes de morrer, Stephen Hawking teria entregado uma pesquisa que estabelece bases hipotéticas para a descoberta de universos paralelos, além de prever o fim da existência do mundo como o conhecemos. A teoria do multiverso diz que o nosso universo é apenas um entre muitos outros que surgiram com o Big Bang.

Vídeo relacionado:

De acordo com o jornal britânico Sunday Times, o esudo em questão é um trabalho matemático que passou por suas última revisão em 4 de março e do qual Hawking é coautor. O cientista teria finalizado sua participação na pesquisa quando já estava em seu leito de morte.



O trabalho confirmaria a existência de um multiverso, com base em cálculos matemáticos e de uma sonda espacial. Além disso, prevê que o destino inexorável do nosso universo é ser apagado lenta e completamente,  à medida que se esgote a energia das estrelas. “Se essa evidência tivesse sido encontrada enquanto ele ainda estava vivo, poderia ter levado Hawking ao Prêmio Nobel, algo que ele desejou por muito tempo”, destacou Thomas Hertog, com quem o cientista falecido realizou o trabalho de pesquisa.

A teoria, porém, foi recebida com ceticismo por alguns físicos. Avi Loeb, presidente do departamento de astronomia da Universidade de Harvard disse que o estudo é interessante, mas que sua abordagem é questionável. Já o professor Neil Turok, diretor do Perimeter Institute, no Canadá, disse que "ficou confuso com o interesse de Hawking pela ideia". 

 Fontes: Daily Mail  e Mashable



Imagem: GiroScience/Shutterstock.com