Início

Manuscrito de Einstein sobre a teoria da relatividade é leiloado por preço recorde

Documento de 54 páginas escrito pelo físico alcançou lance de 13 milhões de dólares
Por History Channel Brasil em 25 de Novembro de 2021 às 18:52
Manuscrito de Einstein sobre a teoria da relatividade é leiloado por preço recorde-0

A casa de leilões Christie’s anunciou que um dos rascunhos da teoria da relatividade geral, de autoria do físico Albert Einstein, foi leiloado por quase 13 milhões de dólares. Em 2018, uma carta do cientista que teorizava sobre Deus foi arrematada por 2,8 milhões de dólares. Um ano antes, outro escrito no qual ele reflete sobre a felicidade, foi vendido por 1,56 milhões.

Manuscrito extremamente raro

Trata-se de um documento composto de 54 páginas, elaborado entre 1913 e 1914 em Zurique, Suíça, pelo famoso físico alemão e pelo engenheiro Michele Besso, seu colaborador e confidente. O manuscrito foi produzido enquanto eles testavam equações que acabariam se tornando a base da teoria da relatividade.  Ao todo, 26 páginas foram escritas a mão por Einstein, 24 por Besso, e três trazem anotações feitas pelos dois.

 

 

O documento é considerado extremamente raro, pois Einstein não costumava preservar rascunhos de seus textos. Segundo a Christie's, o manuscrito estabeleceu um novo recorde: é o documento científico autografado mais caro já vendido. A identidade do comprador não foi revelada, embora a casa de leilões tenha divulgado que a relíquia atraiu o interesse de compradores de todo o mundo.

A teoria da relatividade geral, publicada por Einstein em 1915, transformou a compreensão da humanidade sobre o espaço, o tempo e a gravidade. A obra lançou luz sobre o nascimento do universo, órbitas planetárias e buracos negros.

Fontes
Live Science e BBC
Imagens
Domínio Público, via Wikimedia Commons