IMPÉRIO ROMANO

Espetacular quartel militar do Império Romano é encontrado enterrado sob milharal

Arqueólogos encontraram as ruínas uma base militar romana nas proximidades de Kostolac, ao leste de Belgrado, na Sérvia. O quartel general, também conhecido como principium, pertenceu à VII Legião Claudia, que esteve ativa entre os séculos II e V d.C. De acordo com os pesquisadores, a estrutura tem uma área aproximada de 3500 metros quadrados.

O quartel estava vinculado ao exército de Viminacium, capital da província romana da Moésia, onde hoje se situa a Sérvia. Diferentemente da maioria de outras ruínas de bases militares romanas, geralmente encontradas abaixo de cidades ou núcleos habitados, esse quartel general foi encontrado sob um milharal, próximo a uma mina de carvão. A localização inusitada do principium em uma área rural oferece aos pesquisadores novas informações sobre o funcionamento dos exércitos romanos.

Segundo os arqueólogos, as ruínas da base militar estão em bom estado de conservação. A estrutura tinha 40 quartos e contava com um sistema de calefação, um santuário, um pátio e uma fonte. Além disso, foi encontrado no local uma sala que servia de tesouraria para guardar o pagamento dos soldados. “Os legionários eram a categoria mais bem paga da população e recebiam muito dinheiro pelo serviço", disse o arqueólogo Miomir Korać.

Até o momento apenas 25% do local foi explorado pelos pesquisadores, que devem retomar as escavações no próximo ano. De acordo com a arqueóloga Nemanja Mrdjic, entre os artefatos mais importantes encontrados lá estão 120 moedas de prata que devem ter sido perdidas durante uma emergência devido a uma eventual invasão ou desastre natural. A maior parte delas foi cunhada no século III, durante os governos dos imperadores Galiano, Cláudio II e Aureliano.

Confira abaixo um vídeo que mostra as escavações das ruínas:


 Fontes: El Español e Sputnik

Imagens: Instituto Arqueológico de Belgrado