DIRIGÍVEIS

Hindenburg: Filmagem inédita mostra início do incêndio no histórico dirigível

Cinegrafista amador flagrou o acidente de um ângulo diferente dos registros feitos por profissionais
Por: HISTORY Brasil

Maior dirigível da história, o Hindenburg sofreu um terrível acidente em 6 de maio de 1937. Ao preparar-se para aportar na base naval de Lakehurst, em Nova Jersey, nos Estados Unidos, a aeronave pegou fogo, matando 36 pessoas, entre tripulação e passageiros. Agora, foram descobertas imagens inéditas que registraram o início do incêndio.

Acidente com o Hindenburg

As imagens foram feitas por um fotógrafo e cinegrafista amador chamado Howard Schenck. Naquele dia, ele filmava a aterrissagem do Hindenburg com uma câmera Kodak de 8 milímetros. Schenck logo percebeu que o dirigível estava pegando fogo e flagrou o acidente de um ângulo diferente dos registros feitos por profissionais que estavam no local.



Feitas com lente grande angular, as imagens de Schenck oferecem uma perspectiva diferente das filmagens e fotografias conhecidas até hoje. A filmagem inédita pode fornecer pistas sobre um antigo mistério: o que gerou a faísca que incendiou o hidrogênio e causou a tragédia? O registro do cinegrafista amador difere dos outros por mostrar o início do incêndio, confira abaixo:

Schenck procurou os investigadores na época, mas como eles já tinham outras imagens, não se interessaram no material que ele havia registrado. A filmagem foi recuperada por um sobrinho dele e entregue ao historiador Dan Grossman. O registro histórico finalmente foi divulgado em um documentário produzido pela PBS, rede pública de TV dos Estados Unidos.



VER MAIS:


Fonte: Live Science

Imagem: Cofod, Arthur Jr, via Wikimedia Commons