RECORDES

Italiana é a última pessoa nascida no século 19 ainda viva

Por: HISTORY Brasil

Uma senhora que mora na pequena localidade de Verbania, na Itália, é a última pessoa nascida no século 19 que ainda está viva.

Emma Morano veio ao mundo em 29 de novembro de 1899. Aos 116 anos, não há ninguém mais velho do que ela no planeta, segundo Grupo de Pesquisas de Gerontologia dos Estados Unidos.

[O HISTORY AGORA ESTÁ NO SPOTIFY: CLIQUE AQUI E SIGA-NOS]

 






Morano assumiu o posto de pessoa mais idosa do mundo com a morte na semana passada da norte-americana Susannah Mushatt Jones, que era cinco meses mais velha que ela. A recordista de idade mora sozinha em um apartamento, mas recebe visitas frequentes de parentes, enfermeiros e de seu médico. 

Mas qual o segredo da longevidade de Emma Morano? Segundo ela, sua saúde de ferro se deve à ingestão diária de três ovos crus e por não ter marido (é separada desde 1938). Mas a genética também conta pontos: sua irmã morreu aos 107 anos e sua mãe viveu até os 91 anos.

Morano viu inúmeras mudanças em seu tempo de vida. O mundo em que ela nasceu era completamente diferente do atual. A Rainha Vitória da Inglaterra ainda era viva, os aviões não existiam e as Olimpíadas modernas ainda não tinham chegado em sua segunda edição. Fatos que só conhecemos pelos livros de história foram vividos por ela. 



 

 


 

Fonte: El País
Imagem: VerbaniaNews/YouTube/Reprodução