NATAL

As mais estranhas tradições de Natal ao redor do mundo

Pinheirinho decorado, Papai Noel, presépios e troca de presentes são tradições de Natal com as quais estamos acostumados. Em outras partes do mundo, porém, a data é celebrada de forma diferente. Embora muita gente ache estranho a presença do arroz com uvas passas na ceia brasileira, alguns dos costumes abaixo podem ser considerados bem mais esquisitos:

Finlândia: Natal na sauna 


Imagem: Shutterstock.com

Muitos finlandeses frequentam saunas na véspera de Natal. As famílias se reúnem e ouvem no rádio a transmissão da “Paz do Natal”, declaração anual que incentiva os cidadãos a passar a época das Festas em paz, evitando "comportamentos barulhentos e turbulentos". Entre a população rural do país, acreditava-se que os espíritos dos ancestrais mortos visitavam a sauna após o pôr do sol.Também é costume nesse período visitar os túmulos de familiares que já partiram.

EUA: Picles natalino


Imagem: Christbaumschmuck der Firma Inge-Glas, Neustadt bei Coburg, Deutschland, via Wikimedia Commons

A região centro-oeste dos Estados Unidos é palco da tradição do Weihnachtsgurke, ou "picles natalino". De acordo com o costume, um ornamento na forma de picles é pendurado na árvore de Natal. Os adultos escondem o enfeite entre os galhos da árvore e a primeira criança a encontrá-lo pela manhã ganha uma guloseima. A origem da tradição é controversa. Descendentes de imigrantes germânicos dizem que ela foi trazida por seus antepassados, mas uma pesquisa recente apontou que 91% dos alemães nunca ouviram falar desse costume.

Suécia: Assistir ao Pato Donald


Imagem: Maria Maarbes / Shutterstock.com

Na Suécia, as famílias se reúnem em frente à televisão na véspera de Natal para assistir ao especial natalino do Pato Donald. Essa é uma tradição anual que se repete desde que o desenho animado da Disney From All of Us to All of You ("De Todos Nós Para Todos Vocês", em tradução livre) estreou na TV sueca, em 1959. A atração registra recordes de audiência todos os anos.

Áustria: Monstro assustador à solta


Imagem: Matthias Kabel - CC BY-SA 3.0 via Wikipedia Commons

Um estranho costume de Natal consiste em assustar as crianças que se comportaram mal. Os jovens se fantasiam de Krampus (uma criatura demoníaca com chifres) e, acompanhados por Nikolaus (uma espécie de Papai Noel), saem pelas ruas assustando a todos.

Groenlândia: Carne crua na ceia


Imagem: Reprodução

Nessa ilha, território autônomo do reino da Dinamarca, o estranho e tradicional prato de Natal é o Kiviak. A iguaria é elaborada com carne crua de alca (uma ave de caça aquática), que é enterrada por vários meses e coberta por pele de foca, debaixo de uma pedra, até atingir um estado avançado de decomposição.

Noruega: Hora de espantar as bruxas


Imagem: Shutterstock.com

Um famoso costume norueguês no Natal consiste em esconder todas as vassouras para que as bruxas e os espíritos malignos não possam sair voando ao redor das casas na véspera de Natal.

Venezuela: Patinação noturna


Imagem: Shutterstock.com

Um costume de Natal em Caracas é fechar as ruas para que as pessoas possam ir às igrejas de patins. São as  chamadas "patinatas". Os templos locais costumam organizar festivais noturnos em que as crianças andam de skate, patins e bicicleta após participarem da missa. Mas o motivo para isso é um verdadeiro mistério.

Portugal: Ceia para os mortos


Imagem: Shutterstock.com

Um costume da ceia de Natal de Portugal consiste em colocar lugares extras na mesa e servir comida para os espíritos dos mortos. Acredita-se que isso trará sorte para o próximo ano.

Sérvia: Pais amarrados


Imagem: Shutterstock.com

Duas semanas antes do Natal, as crianças amarram os pés da sua mãe e lhe perguntam o que ela daria para ser libertada. Ela deve, então, entregar presentes. Uma semana antes do Natal, a ação é repetida com o pai das crianças, que lhes dá mais presentes.

República Tcheca: Sapato casamenteiro


Imagem: Shutterstock.com

No Natal, as mulheres solteiras da República Tcheca fazem um ritual para tentar descobrir quando irão casar. Segundo a superstição, elas devem ficar de costas para a porta de casa e jogar um sapato por cima dos ombros. Se o calçado cair apontando para a porta, é sinal de que ela se casará em breve. Mas, caso o sapato aponte para a direção contrária, ela permanecerá solteira por pelo menos mais um ano.


Fontes: Mental Floss e BBC

Imagem: Shutterstock.com