ASTEROIDES

NASA diz que chance de colisão do asteroide Bennu com a Terra aumentou

O objeto espacial, que tem diâmetro de aproximadamente 490 metros, tem sua trajetória acompanhada com atenção pelos astrônomos
Por: HISTORY Brasil

A NASA reavaliou as chances de impacto do asteroide Bennu com a Terra. Segundo a agência espacial dos Estados Unidos, a probabilidade de colisão continua baixa, mas é maior do que se acreditava anteriormente. Os novos dados foram coletados por uma missão chamada OSIRIS-REx. 

Chances de impacto do asteroide

O objeto espacial, que tem diâmetro de aproximadamente 490 metros, tem sua trajetória acompanhada com atenção pelos astrônomos. Após dois anos investigando o asteroide, os pesquisadores concluíram que as chances de Bennu atingir a Terra subiram de 1 em 2700 para 1 em 1750. "Não é uma mudança significativa e a probabilidade de impacto é praticamente a mesma", afirmou Davide Farnocchia, que liderou o estudo.



Daqui a mais de cem anos, o asteroide chegará a 7,5 milhões de quilômetros da órbita da Terra. Quando isso acontecer, Bennu entrará na categoria de "objeto potencialmente perigoso". Embora a chance dele atingir o nosso planeta continue pequena, os pesquisadores monitoram o asteroide de perto.

"Na verdade, agora temos um conhecimento muito melhor da trajetória de Bennu e podemos prever melhor quais são os caminhos possíveis em caso de impacto. Acho que no geral a situação melhorou e minha preocupação não aumentou", completou Farnocchia. Recentemente, a China anunciou planos para lançar foguetes contra um asteroide como Bennu em uma hipotética situação de colisão com a Terra.



VER MAIS


Fonte: CNN

Imagens: iStock e NASA/Goddard/University of Arizona