Hoje na história

05.ago.1936

Atleta Jesse Owens ganha terceira medalha de ouro na Olimpíada de Berlim

No dia 5 de agosto de 1936, o atleta negro norte-americano Jesse Owens conquistava a terceira de um total de quatro medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos de Berlim, então sob o regime nazista de Adolf Hitler, que pregava a superioridade da raça ariana. Owens ficou mundialmente conhecido por ganhar quatro medalhas de ouro em Berlim: 100m e 200m rasos, no salto em distância e no revezamento 4x100 m. Quando venceu a prova dos 200m, Owens dirigiu seu olhar para o COI e não para a tribuna de Hitler, pois o líder alemão avisou que não estaria presente neste dia, apesar de que há informações de que ele estava no estádio, mas não queria parabenizar Owens. Em 2012, o velocista foi imortalizado no Hall da Fama do atletismo, criado no mesmo ano como parte das celebrações pelo centenário da IAAF. Anos mais tarde, em sua biografia, Owens afirmou que o que mais o magoou, contudo, foi o fato de o presidente americano Franklin Delano Roosevelt não ter lhe mandado sequer um telegrama felicitando-o por suas conquistas na olimpíada. Naquela época, também havia um forte sentimento racista nos Estados Unidos.

 


imagem:  [Public domain], via Wikimedia Commons