Início

Ator Sérgio Mamberti morre aos 82 anos

Ator Sérgio Mamberti morre aos 82 anos -0

O ator Sérgio Mamberti morreu em 3 de setembro de 2021, aos 82 anos, em São Paulo. Internado com uma infecção nos pulmões, ele teve falência múltipla dos órgãos. O artista teve uma longa carreira no teatro, cinema e televisão, interpretando personagens populares como o Mordomo Eugênio, na novela Vale Tudo, e o Doutor Victor, de Castelo Rá-Tim-Bum.

Nascido em Santos, Sérgio se interessou cedo pelas artes e aos 14 anos já se considerava um cinéfilo. Sua paixão pela arte dramática fez com que se formasse no curso de artes cênicas da Escola de Arte Dramática da Universidade de São Paulo (EAD). Fez sua estreia no teatro em 1962, na peça Antígone América, escrita por Carlos Henrique Escobar, produzida por Ruth Escobar e dirigida por Antônio Abujamra. Em seguida, passou a integrar o grupo de teatro Decisão, juntamente com artistas como Abujamra, Glauce Rocha e Plínio Marcos.

Na década de 1970, juntamente com seu irmão Cláudio Mamberti participou de inúmeras peças de teatro na capital paulista, trabalhando com importantes nomes da dramaturgia brasileira como Beatriz Segall, Regina Duarte e Paulo José. Começou a carreira televisiva em novelas da Record, com Ana, em 1969. Na década seguinte, atuou em outros folhetins da emissora.  

Nos anos 1980, Mamberti atuou em novelas como Dona Beija, da Rede Manchete, e Vale Tudo, da Rede Globo, na qual se popularizou como o Mordomo Eugênio. Em 1994, passou a interpretar o divertido Doutor Victor, na série Castelo Rá-Tim-Bum, da TV Cultura, conquistando o público infantil. 

Na vida pessoal, casou-se com Vivien Mahr em 1964, com quem teve três filhos. A esposa morreu em 1980. Depois disso, teve um companheiro por 37 anos, Ednaldo Torquato, que morreu em 2019. Paralelamente ao trabalho de ator, também atuou na política. A partir de 2003, Mamberti ocupou diversos cargos no Ministério da Cultura. 


Imagem: TV Cultura/Reprodução