Início

Charlie Watts, lendário baterista dos Rolling Stones, morre aos 80 anos

Charlie Watts, lendário baterista dos Rolling Stones, morre aos 80 anos-0

Charlie Watts, lendário baterista dos Rolling Stones, morreu em 24 de agosto de 2021, aos 80 anos. Segundo um comunicado da família, ele faleceu em paz, em um hospital de Londres, cercado pela família. Recentemente, ele havia anunciado que não iria participar da nova turnê da banda pelos Estados Unidos, por motivo de saúde. 

Nascido em Londres, Watts começou a tocar bateria na adolescência. Fascinado por jazz, ele praticava o instrumento ouvindo seus discos favoritos. Na juventude, estudou artes gráficas e trabalhou como designer em uma agência de publicidade após se graduar. Paralelamente, se juntou a bandas de jazz e rhythm and blues. 

Em 1961, Watts conheceu Alexis Korner, que o convidou para se juntar à sua banda, Blues Incorporated. Ele tocou regularmente na banda ao mesmo tempo em que mantinha um emprego em outra empresa de publicidade . Foi em meados de 1962 que Watts conheceu Brian Jones, Ian "Stu" Stewart, Mick Jagger e Keith Richards, que também frequentavam os clubes de rhythm and blues de Londres, mas foi só em janeiro de 1963 que o baterista finalmente concordou em entrar para os Rolling Stones.

Watts foi o único membro dos Rolling Stones além de Jagger e Richards a ter participado de todos os álbuns de estúdio da banda. Além de ter tocado com os Stones por quase 60 anos, o baterista também tinha seu próprio grupo, o Charlie Watts Quintet. Em 2004, ele se tratou de um câncer na garganta e recentemente havia sido submetido a uma cirurgia de emergência cujo motivo não foi especificado.


Imagem: Siebbi, via Wikimedia Commons