Hoje na história

26.set.1994

Começa o julgamento de O.J. Simpson

Em 26 de setembro de 1994 começou o julgamento do ex-jogador de futebol americano e ator norte-americano O. J. Simpson. Ele foi acusado de matar a facadas sua ex-mulher, Nicole Brown, e o amigo dela, Ronald Goldman, em 12 de junho de 1994. O julgamento durou 372 dias.

Ao ser acusado de duplo homicídio, Simpson desapareceu. Foi perseguido pela polícia por 96 quilômetros, trancou-se durante horas em seu carro e em seguida se entregou. A perseguição a Simpson ganhou grande cobertura da imprensa.

Simpson e Nicole haviam se casado em 1985 e tiveram dois filhos. Nesse mesmo ano, Simpson quebrou, com um bastão de beisebol, os vidros do carro de Nicole, onde ela havia se refugiado após uma discussão. O divórcio aconteceu em 1992 e havia registros policiais de três agressões físicas de Simpson contra Nicole. Em 1993, Simpson chegou a invadir a casa da ex-mulher, que se trancou na cozinha.

O júri era formado por 9 negros, 2 brancos e 1 hispânico. Dos 12 jurados, 10 eram mulheres. o veredito "inocente" foi anunciado em 3 de outubro de 1995. Cerca de 20 milhões de pessoas assistiram ao julgamento pela televisão. O anúncio do veredito bateu o recorde de audiência da chegada do homem à Lua e do funeral do presidente John Kennedy.


 Imagem: Vicki L. Miller/Shutterstock.com