Hoje na história

26.set.2019

Morre aos 86 anos o ex-presidente francês Jacques Chirac

Jacques Chirac, ex-presidente da França, morreu em 26 de setembro de 2019, aos 86 anos.  Ele governou o país entre 1995 e 2007. A causa da morte não foi divulgada, mas seu genro disse que o político estava cercado por entes queridos durante os últimos momentos. 

Nascido em Paris, Chirac foi simpatizante do comunismo na juventude. Em 1956, se casou com  Bernadette Chodron de Courcel. No mesmo ano, cumpriu serviço militar na Argélia. Em 1957, entrou na famosa Escola Nacional de Administração, onde se graduou.

Iniciou sua carreira política como membro do conselho municipal de Sainte-Féréole, em Corrèze, em 1965. Depois, foi eleito deputado. Em seguida, ocupou diversos ministérios em diferentes governos entre 1967 e 1975, chegando a ocupar o cargo de primeiro-ministro em 1974. De 1977 até 1995 foi prefeito de Paris.

Em 1995 Chirac foi eleito presidente da França.  Suas políticas econômicas, baseadas no dirigismo, permitiam investimentos direcionados pelo Estado, opondo-se às políticas de laissez-faire do Reino Unido, sob os ministérios de Margaret Thatcher e John Major, que Chirac classificava como "ultraliberalismo anglo-saxão". 

Chirac também ficou conhecido por sua posição contra o ataque liderado pelos americanos ao Iraque, pelo seu reconhecimento do papel do governo francês colaboracionista na deportação de judeus na Segunda Guerra e pela redução do mandato presidencial de 7 anos para 5 por meio de um referendo em 2000. Em 2002, foi reeleito. Durante seu segundo mandato, no entanto, ele teve um índice de aprovação muito baixo e foi considerado um dos presidentes menos populares da história moderna da França.

Após sofrer um derrame, em setembro de 2005, os problemas de saúde de Jacques Chirac se agravaram. Após deixar a presidência, em maio de 2007, ele foi hospitalizado várias vezes. O político apareceu em público pela última vez em 2014


Imagem: 360b / Shutterstock.com