Início

Neil Peart, lendário baterista do Rush, morre aos 67 anos

Neil Peart, lendário baterista do Rush, morre aos 67 anos-0

Neil Peart, lendário baterista e letrista da banda canadense Rush, morreu em 7 de janeiro de 2020, aos 67 anos, em Santa Monica, nos Estados Unidos. De acordo com uma nota oficial, a causa da morte foi um câncer cerebral, contra o qual ele lutava há anos. 

Considerado um dos melhores bateristas da história do rock, Peart se juntou ao Rush em 1974, substituindo John Rutsey. Seu primeiro álbum com a banda foi Fly By Night (1975). No início de sua carreira, seu estilo estava enraizado no hard rock. Suas maiores influências eram músicos como Keith Moon (The Who) e John Bonham (Led Zeppelin).  Com o passar do tempo, ele passou a ser influenciado por músicos de jazz como Gene Krupa e Buddy Rich.

Como letrista principal do Rush, suas letras abordavam temas como ficção científica, fantasia e filosofia. Ao todo, ele gravou 18 discos de estúdio com a banda, que, além de Peart, era formada por Geddy Lee (baixo, teclado e vocal) e Alex Lifeson (guitarra). Estima-se que o Rush tenha vendido mais de 40 milhões de cópias de seus discos em todo o mundo.

Além de atuar como músico, Peart também publicou várias obras sobre suas viagens. Ele escreveu um total de sete livros de não-ficção focados em suas viagens e histórias pessoais. Em dezembro de 2015, Peart anunciou sua aposentadoria. Seu último álbum com o Rush foi Clockwork Angels (2012).


Imagem: Harmony Gerber / Shutterstock.com