ADOLF HITLER

Policial é condenado à prisão por postar foto de prato favorito de Hitler

Justiça da Áustria considerou que a manifestação era uma apologia ao nazismo
Por: HISTORY Brasil

Um policial foi condenado a dez meses de prisão na Áustria por apologia ao nazismo. A sentença foi motivada por uma postagem do homem nas redes sociais. Em 20 de abril do ano passado (data do aniversário de Adolf Hitler), o acusado compartilhou uma foto do prato favorito do Führer.

Apologia ao nazismo

"Almoço de hoje! Eiernockerl com salada verde!", dizia a postagem. O afirmação de que esse era o prato favorito de Hitler foi popularizada em 1997 por um negacionista do Holocausto chamado Wolfgang Frolich. Desde então, referências ao prato se tornaram um modo velado de demonstrar apoio ao ditador nazista. Abaixo da postagem, um amigo do policial ainda comentou: "está faltando o Blondi", em referência ao cachorro de Hitler. 



A Justiça austríaca considerou que a postagem violava uma lei de 1947 sancionada para coibir o reflorescimento do nazismo no país. O condenado, que não teve o nome revelado, atuava como policial no estado de Burgenland. Ele já estava suspenso da corporação, que pode expulsá-lo definitivamente.

A decisão da Justiça austríaca ainda não é definitiva e o policial pode recorrer da sentença. Apesar de ter sido condenado a dez meses de prisão, o condenado responde em liberdade. Além disso, ele foi multado em €6.300 (cerca de R$ 42 mil).



VER MAIS:


Fonte: Newsweek

Imagem: Everett Collection / Shutterstock.com